Carnaval celebra os 15 anos da AESM-Rio em noite de sorteio de ordem de desfile

Carnaval celebra os 15 anos da AESM-Rio em noite de sorteio de ordem de desfile
Corte do Carnaval Mirim. Foto: A. Pinto.

Uma bonita festa na quadra da Estácio de Sá na noite de segunda-feira, 26 de junho, marcou o aniversário de 15 anos da Associação das Escolas de Samba Mirins do Rio de Janeiro (AESM-Rio). A entidade reuniu o mundo do samba para lembrar a data, homenagear os que contribuíram em sua história e para o Carnaval e para sortear a ordem de desfile de 2018.

O presidente da AESM-Rio, Édson Marinho, celebrou a contribuição da entidade para a cultura brasileira. “Os 15 anos passaram rápido. Vale lembrar que as escolas mirins existem há 33 anos. Os frutos colhidos são o mais importante. Muitos profissionais foram revelados. Contribuímos um pouco para o samba neste tempo.”

Pablo e Anna Clara. Foto: A. Pinto.

Valsa

O cantor Jorge Caetano, com seu violão, abriu a noite. Como toda festa de debutante, o evento contou com um momento especial. O mestre-sala Pablo e a porta-bandeira Anna Clara, representantes da AESM-Rio, dançaram a valsa, sendo seguidos pelos casais das escolas mirins.

O sorteio da ordem de desfiles fechou a noite. Caberá à Tijuquinha do Borel abrir os cortejos mirins, na terça-feira de Carnaval, às 17h, na Sapucaí. A Mangueira fechará as apresentações antes das 24h. Ao todo, 16 agremiações passarão pelo Sambódromo.

O presidente da AESM-Rio, Édson Marinho (ao centro) e o diretor Jurídico da associação, Jorge Xavier (de terno) recebem o chefe de Operações da Riotur, Bruno Mattos. Foto: A. Pinto.

Subvenção

Mas nem tudo foi motivo de comemoração na festa de 15 anos. Os dirigentes estavam preocupados com corte anunciado pela Prefeitura nas verbas do Carnaval. Édson resumiu o sentimento de todos. “Já é pouco. Parece que será 25% a menos. Ainda não fomos comunicados oficialmente. Teremos que dar um jeito, uma vez que todas as escolas sofrerão, seja as que tem escola-mãe e as que não tem escola-mãe.”

 

Ordem de desfile

Tijuquinha do Borel

Golfinhos do Rio de Janeiro

Inocentes da Caprichosos

Ainda Existem Crianças da Vila Kennedy

Miúda da Cabuçu

Nova Geração da Estácio de Sá

Pimpolhos da Grande Rio

Filhos da Águia

Império do Futuro

Aprendizes do Salgueiro

Estrelinha da Mocidade

Corações Unidos do CIEP

Herdeiros da Vila

Petizes da Penha

Infantes do Lins

Mangueira do Amanhã

Curta facebook.com.br/revistacarnaval.
Siga twitter.com/revistacarnaval.
Acesse instagram.com/revistacarnaval.