14 de julho de 2024
DestaqueGrupo especialHot news

Vila Isabel Encerra Ano com Samba e Alegria em Último Ensaio de Rua

Na movimentada Vila Isabel, desde cedo, já se podia ouvir rodas de samba entoando clássicos da Unidos de Vila Isabel, seguido pelo carro de som liderado por Tinga e a bateria de Macaco Branco, reunindo a comunidade em um ensaio intenso, como se fosse o próprio desfile de carnaval.

O diretor de carnaval, Moisés Carvalho, expressou gratidão à comunidade por encerrar essa primeira etapa dos ensaios com chave de ouro. Destacou a alegria da escola em cantar o samba e o enredo, reforçando o empenho da Vila Isabel em buscar o título.

Antes do treino, a rainha da bateria mirim, Maria Eduarda Veras, foi coroada, revelando sua inspiração em Sabrina Sato para almejar voos mais altos. O enredo “Gbala – Viagem ao templo da criação”, assinado por Paulo Barros, será apresentado pela Vila Isabel na segunda-feira de Carnaval.

A comissão de frente, presente na abertura e fechamento dos ensaios, mostrou uma coreografia relacionada à criação do mundo e à infância, em homenagem às crianças, tema do enredo. O casal de mestre-sala e porta-bandeira, em tons de azul, apresentou uma coreografia clássica e delicada.

O canto da comunidade foi um destaque no ensaio, revelando uma escola feliz com a obra que levará para a Avenida. A harmonia entre bateria, carro de som e comunidade se fez presente, refletindo o empenho e a vibração dos ensaios às quartas-feiras no Boulevard.

O ensaio de rua, ainda que com intermitências de luz, foi fluído e animado, com a comunidade usando adereços como bolas azuis e chapéus, contribuindo para o clima festivo. O desfile foi sequencial, sem buracos ou problemas de formação de alas.

O samba-enredo “Gbala”, composto por Martinho da Vila, rendeu elogios pela excelente interpretação de Tinga e pelo entrosamento da escola. A comunidade cantou com intensidade, mostrando domínio da obra, tornando o refrão um ponto alto.